” Se procura romance, prepare-se para se apaixonar por Évora”.

Situada no sul de Portugal, no coração do Alentejo Central, a meio caminho entre Lisboa e a região da Estremadura em Espanha.
Visita obrigatória do espaço dos Vinhos do Alentejo, os vinhos que as castas de Évora nos dão são os Pera Manca (o primeiro vinho português a entrar pelas naus de Pedro Alvares Cabral no Brasil) e Cartuxa.
Destacam-se na arquitetura as casas brancas, seus azulejos e as varandas, um dos marcos da cidade é o Templo de Diana, reza a história que foi erigido a mando do Imperador Augusto em honra a Diana, deusa romana da caça. Temos a Capela dos Ossos, suas paredes estão cobertas com ossadas e crânios humanos cuidadosamente dispostos; ao se passar pela arcada, pense 2 vezes, lá se lê: “Nós ossos que aqui estamos, pelos vossos aguardamos.” Construída no século XVI por um monge franciscano que pretendia transmitir a mensagem de que a vida é apenas uma mera passagem para o Céu ou para o Inferno.
Terra de infindáveis campos dourados pontuados por oliveiras e sobreiros.

Deixe suas preocupações do mundo moderno e se acolha ao charme de Évora, a cidade mais romântica do Alentejo.